Você sabe as diferenças entre Seminários, Simpósios e Congressos? Nós vamos esclarecer!
07/06/2019
Departamento de Marketing
Quem está entrando no mundo universitário se depara com várias novidades dentro do curso, na forma de aprender e na variedade de eventos existentes no mundo acadêmico. Seminários, simpósios e congressos são frequentemente divulgados, mas podem parecer eventos muito semelhantes. Afinal, quais as diferenças entre eles?

É importante compreender o que cada um significa, pois a forma como os temas são abordados e o estilo de dados fornecidos são distintas. Veja neste texto o que são seminários, simpósios, congressos e outros eventos para saber diferenciá-los. Entenda o que diferencia cada tipos de eventos:

SIMPÓSIO: Especialistas em determinados temas se reúnem e expõem suas impressões sobre eles. Por exemplo, em um simpósio de medicina veterinária, cujo tema é uma nova técnica para realizar a orquiectomia. Os especialistas se reúnem em uma mesa, explanam sobre o assunto e opinam sobre a técnica. Muitas vezes, o auditório também entra no diálogo, ou seja, o simpósio propõe uma discussão e troca de impressões sobre a área que aborda.

SEMINÁRIO: O palestrante mostra uma ideia sobre o tema e depois ela é debatida com o auditório. Após a explanação, é aberto o momento das perguntas. Apenas um especialista fala sobre determinado assunto. Essa é a principal diferença do seminário para o simpósio. Sem contar que no seminário apresentam-se ideias, enquanto no simpósio discutem-se opiniões sobre determinado tema.

CONGRESSO: Especialistas de determinada área se reúnem para expor resultados de pesquisas. Além da explanação de palestrantes, há também a apresentação oral ou em pôsteres de resumos de estudos científicos.

OUTROS TIPOS DE EVENTOS ACADÊMICOS: Além dos seminários, simpósios e congressos existem outros tipos de eventos acadêmicos. São eles:

  • PALESTRAS: De curta duração, tem como objetivo trazer uma informação nova. O tema é abordado com mais superficialidade.
  • CURSOS: Um determinado tema é cuidadosamente detalhado para o cursista. Ele pode ser apenas teórico ou prático e podem tanto introduzir um tema novo para o aluno, quanto proporcionar o aprimoramento profissional
  • WORKSHOP: É um evento mais prático, que conta com a explanação de um especialista, que relata algo prático. Em seguida, acontece a discussão em equipes sobre a temática proposta. Os participantes fazem parte da discussão
  • MESA-REDONDA: É determinado um tema e especialistas da área se reúnem, ao redor de uma mesa. Há um moderador ou mediador, que organiza o tempo no qual cada um pode falar e cuida para que o debate não fuja do tema. Depois que todos expõem as ideias há um debate. No geral, a mesa redonda faz parte de um evento maior
  • FEIRA: Empresas da área se reúnem para expor os produtos e novidades do setor. No geral, as feiras contam com outras atividades dentro delas, como congressos, palestras e workshops.

A participação em todos esses eventos enriquece o currículo. Porém, a participação e apresentação de trabalho científico em congressos tem um peso maior para quem quer enriquecer o currículo na área de pesquisa.

Você ainda tem alguma dúvida sobre esse tema? Deixe nos comentários!

Você sabe as diferenças entre Seminários, Simpósios e Congressos? Nós vamos esclarecer!